https://web.whatsapp.com/ https://web.whatsapp.com/

quarta-feira, abril 08, 2015

OPERAÇÃO: Miguel badra, Mogi, Itáqua, Ribeirão Pires.

Cidade Miguel Badra-Suzano-Sp

Sete criminosos são presos durante operação

Promotores do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), do Ministério Público, em Guarulhos, com o apoio da Polícia Militar, realizou uma operação, na manhã de ontem (7), em Mogi das Cruzes e na Região do Alto Tietê, visando combater o narcotráfico. Os seus bandidos procurados já vinham sendo investigados até através de escutas telefônicas. 
Às 10h30, a blitz havia levado à prisão Gilmar da Hora Lisboa, o “Pepinha”, de 34 anos, na Vila Maracá, em Ribeirão Pires. Ele diz ser empresário, porém é considerado pela Polícia como um dos chefes da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) no Bairro Miguel Badra, em Suzano. Também é conhecido como afilhado de um dos líderes do PCC no Estado, Marcos Camacho. Para se ter uma ideia de sua periculosidade a sua prisão em Suzano, no ano de 2006 deu início a onda de violência, a qual provocou várias mortes.
Acusado de tráfico, Linis Marlon Vitor Antunes de Souza, de 24 anos, foi detido na Rua Colombia, em Jundiapeba. Com ele, os policiais encontraram R$ 3.448,75 da venda de drogas, 1.697 pedras de crack, 869,77 buchas de maconha, 388 cápsulas de cocaína, 8 esctasy e 88 frascos de lança-perfume, além de dois celulares e dois rádios de telecomunicações.
Em desfavor do suspeito já havia mandados de prisão temporária e de busca e apreensão expedidos pelo juiz de Direito Fernando Augusto Andrade Conceição, da 2ª Vara Criminal de Suzano, a exemplo dos demais capturados na operação. Linis Marlon foi autuado em flagrante pelo delegado Evaldo José de Mello e o escrivão chefe Henrique Botelho, da Delegacia Seccional de Mogi, no Centro. (Laércio Ribeiro)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

deixe seu comentário! faça valer sua opinião.

https://web.whatsapp.com/